Por vezes, e muitas são as vezes, gramaticalmente incorretas,despretenciosas,desobedientes às regras,
as palavras aqui são só ajuntadas e se tornam frases
simples ... uma maneira de expressar o que sinto. della

domingo, dezembro 7

ressurreição


*
*
o tempo a querer mudar
eu a querer parar o tempo
já não é tarde
meu abraço vazio
minha vida solitária
alegria do dia que se foi
emudeço
no espaço vazio
preciso do seu rosto de volta
do seu corpo - ilusão de luz
a tempestade molhando minha rebeldia
muitos, muitos foram os mundos que construi
agora, preciso do tempo
e de você
dentro dele.
*
*
a foto de grendel

Um comentário:

Gabriela Rocha Martins disse...

desapareces

mas quando regressas
vens prenha de POESIA


.
um beijo ,môre!