Por vezes, e muitas são as vezes, gramaticalmente incorretas,despretenciosas,desobedientes às regras,
as palavras aqui são só ajuntadas e se tornam frases
simples ... uma maneira de expressar o que sinto. della

sábado, março 8

Desenhando seu cheiro


*
*
em mim ficou
o resto do ar
que trouxe seu cheiro
amadeirado cheiro
que invadiu o quarto
grudou-se às paredes
a me enfeitiçar, a me enlouquecer
um cheiro que não compreendi
mas, um cheiro que não perdi
amor sem registro
é lembrança fértil
queria um filho de cheiro
se pudesses me dar
aparição de dentro para fora
nas paredes o seu cheiro
experiência de uma vida inteira
arranca de mim a loucura
de ter seu cheiro indizível.
até pra mim,
entendê-lo é o modo de vê-lo...
*
*
imagem de tina manthorpe

Nenhum comentário: